Guia do Sucesso

Por Mario Sérgio de Moraes*

Um dos meus alunos de Mogi, em 2010, foi convidado para ingressar no Partido Republicano (PR). Outros dois de São Paulo foram chamados, agora, para compor os quadros do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). Acenaram para eles com um “presentinho”: a candidatura a vereador. Pois bem, eles me interrogaram sobre o beneficio ou não desta missão (ou submissão?).  Fiquei perplexo na resposta. Mas, inspirado na vitória do Tiririca – que recebeu o convite e apoio de nobres políticos mogianos – achei a solução. E ofereço aos moços sete conselhos de sucesso. Que agora publico:

1. Eis o sucesso-rápido. Seja esperto. Aceite a melhor mercadoria dos dias de hoje: o conchavo. E qual a melhor carreira? É a política. Mas como fazer? Construa uma pirâmide. Aos do andar de cima obedeça, como “office boy de luxo”. E aos de baixo, eleitores, ofereça promessas.

2. Eis o sucesso-longo. Seja persistente. Fique ao lado do poder e sempre situacionista.  E atenção: só faça elogios aos mandantes.

3. Eis o sucesso-assistencialista. Seja paternal. Crie uma associação caritativa. Não destas incentivam a independência e participação critica dos mais fragilizados. Isto é bobagem. Ao contrário, crie espetáculos onde só os doadores mostrem o quanto amam os “invisíveis” do dia a dia.

4. Eis o sucesso-aparência. Seja uma “marca”. Lembre-se: as pessoas curtem imagens. Porte altivo. Nariz para cima. Sorridente e simpático com um “arzinho” de oferecer prosperidade a todos.

5. Eis o sucesso-religioso. Seja penitente. Vá a cultos onde surjam salvações instantâneas. Atenção: sente-se humildemente na primeira fila com um semblante piedoso. Nos problemas jogue a culpa no Demônio. E pelas soluções busque as contribuições em prol da fé e caridade. Deus por R$ 1,99.

6. Eis o sucesso das palavras. Use frases de efeito: “Estamos inaugurando uma nova fase”; “É preciso superar desafios, acreditando em si mesmo”; “Só o amor constrói”. E, se possível, ao final do discurso use palavras em inglês como “low profile”. Mesmo que outros não entendam, não tem importância. Pega bem!

7. Eis o sucesso-volta por cima. Seja esperto. Se der alguma coisa errada, não fique desesperado. Renegue firmemente o que fez e insista nos erros. Mas como? Recomece do item 1 e prossiga ao item 6, fazendo um novo marketing. Você verá como muitos se esquecem do que aconteceu.

E, depois destes conselhos, se o aluno novamente perguntar: “até onde posso chegar?”. Responderei: longe de mim!

* Mario Sérgio de Moraes é Doutor em História pela USP e Conselheiro do Instituto Vladimir Herzog

Mais sobre a entrevista, jornalismo colaborativo, poesia, cinema, música e arte, na edição completa da Kalango, aqui https://revistakalango.wordpress.com/2011/07/11/kalango7/

Leia aqui http://issuu.com/osnidias/docs/kalango7

Ou baixe aqui: http://www.mediafire.com/file/u2fbflk667cyshr/KALANGO7.pdf

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s