Kalango11: preferência nacional

A edição 11 da Kalango traz alguns assuntos que estão na ordem do dia. Um deles é sobre a preferência nacional. Atento, nosso articulista Mário Sérgio fala sobre o assunto, bem como extraterreno Delta9 traça suas parcas linhas para abordar o mesmo tema, sob outro ângulo. Já que assim, está tudo dominado, Orivaldo Biagi aproveita para falar rapidamente sobre o poder do corpo (e das mentes) através dos tempos e Robson Helton manda ver no traço da dita cuja. Feliz da vida, Rubens Paschoal nos traz um novo amanhecer e Thiago Cervan lança o livro Sumo Bagaço, que serve de inspiração para Giuliano Tosin escrever sobre a obra, ao mesmo tempo em que nos oferece também um belo poema. Weberson Santiago nos empresta um de seus trabalhos, exposto no MIS, em São Paulo, para encher nossos olhos de emoção. Numa Missão Quase Impossível, Jean Takada entrevista loucos no centro velho de São Paulo, enquanto Rodrigo Casali mostra que logo teremos nas telas o filme “Esquinas de Monalisa”, já retratado aqui na Kalango e Diego Calazans responde a onda de intolerância existente nos cartazes homofóbicos em várias partes do mundo. E em se tratando de ética, Leonardo Boff mostra que nosso tempo exige responsabilidade para com o planeta. E que tudo mais vá para Marte, com Hemerson Brandão. Tudo isso é só aqui. Na Kalango.

Boa leitura, se gostar, compartilhe! Seja nosso colaborador.

Agradecido!

http://www.issuu.com/osnidias/docs/kalango11

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s