Montevidéu ao alcance de seu bolso

Luís Pires * 

Em tempos de dólar em alta, as viagens internacionais ficaram mais caras. Ainda assim é possível visitar Montevidéu, cuja paridade das moedas não é tão distante. A reportagem de Kalango esteve na capital uruguaia e apresenta cinco locais nos quais é possível se conhecer um pouco da cultura do nosso vizinho.

Primeiramente é necessário analisarmos alguns dados para conseguirmos dimensionar a diferença entre os dois países. Enquanto o Brasil possui cerca de 204 milhões de habitantes (dados divulgados pelo IBGE em 2015), os uruguaios somam apenas 3,4 milhões, sendo quase metade desse número vive na capital, Montevidéu. Se levarmos em consideração que na região metropolitana de São Paulo vivem cerca de 20 milhões de pessoas, dá para se ter uma ideia da situação demográfica uruguaia. Feita essa ilustração, apresentamos cinco locais que definem um pouco da cultura de nossos vizinhos.

abre

1) Feira Tristan Narvaja – realizada aos domingos há mais de cem anos, é uma feira na qual se encontra de tudo. Barracas de hortifrútis convivem lado a lado com as de artesanato, brechós, livrarias, antiquários e tudo o mais que se possa imaginar. A feira toma conta da Calle Tristan Narvaja e de dezenas de ruas adjacentes. A impressão que se tem é que todos os moradores de Montevidéu visitam a feira (que funciona das 8h até o anoitecer) com suas garrafas térmicas e as cuias de chimarrão.

2) Plaza Independência – localizada no coração da cidade velha, a praça guarda um pouco da história do país, seja no mausoléu dedicado ao General Artigas (1764-1850), político e militar, considerado um dos heróis na luta pela independência do país em relação aos espanhóis, ou na Puerta de la Ciudadela, parte do muro de pedra que protegia a cidade no período colonial. Na praça encontram-se também o Teatro Solís e a sede do governo federal, um prédio comum, como outro qualquer, sem o isolamento e a suntuosidade de Brasília.

3) Mercado del Puerto  – quem quiser conhecer um pouco da gastronomia local não pode deixar de visitar este mercado, localizado na beira do porto. Congrega restaurantes cujo forte são as carnes e os pescados. Uma boa pedida é ocupar um dos balcões e apreciar o preparo das carnes, assadas em fogo de lenha, enquanto se degusta um bom vinho.

4) Mercado Agrícola de Montevideo – Com mais de 100 anos de idade, o MaM passou por uma reforma estrutural e, desde sua reinauguração em 2013, virou um dos “queridinhos” da cidade.  É parecido com os mercados municipais que temos aqui. Em meio a boxes de frutas é possível encontrar artesanatos, carnes frescas, pescados, vinhos, o tradicional doce de leite e diversos tipos de mate (a essência da cultura uruguaia). Ali também é possível degustar as doze cervejas fabricadas pela Mastra, uma das boas cervejarias artesanais uruguaias, uma das atrações do mercado.

5) Playas – Montevidéu é banhada pelo Rio de la Plata, que tem dimensões amazônicas: no ponto onde suas águas deixam de ser doces e se convertem no Oceano Atlântico sua largura é de 219 quilômetros. Não é mar, mas é tratado como tal. Tanto que num passeio pelos bairros de Punta Carretas, Pocitos e Buceo, se tem a impressão de estar numa cidade litorânea, como Santos ou Guarujá. Mas as praias de águas barrentas (e frias!) não são muito convidativas para o banho. O melhor é caminhar ou correr pela “rambla”, um calçadão com mais de 20 km de extensão.

27468115205_ba3b4c338c_k

Com praias, alta gastronomia e povo hospitaleiro, Montevidéu é uma boa pedida para uma viagem curta, tranquila e agradável. E o mais importante, está ao alcance de seu bolso.

* Luis Pires é jornalista, assessor de imprensa, fotógrafo e adora viajar.

Leia a edição #24 completa aqui: Kalango 24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s